O LIVRO DO ESPÍRITO

                                                                                                                     Paulo Nunes Batista

Há o livro de espírito, que encerra graça, chiste, humor.

Conhecemos diversos livros de Espíritos, ou seja, dados, mediunicamente, por Espíritos desencarnados, via psicografia.

Existe O Livro dos Espíritos, base da Codificação Kardequiana, composto com perguntas formuladas por Allan Kardec e comentários deste às respostas dadas pelos Espíritos, através de médiuns.

 

Mas, além desses, talvez o mais importante de todos seja o livro do espírito. Se não nos enganamos, Emmanuel, por Chico Xavier, tem uma página antológica sobre tal “livro”. Começa mais ou menos assim:

“Tua vida é um livro que estás escrevendo...”

Sobre este último tema, tecemos as seguintes considerações:

Que livro te poderá interessar mais que tua própria existência?

No livro de tua vida, cada segundo é uma letra. Cada minuto é uma sílaba. Cada hora é uma palavra. Cada dia é uma frase. Cada semana é uma sentença. Cada quinzena é um período. Cada mês é um capítulo. Cada ano é um volume...

Se quiseres, e és livre para isso, podes fazer do teu livro do espírito um mero livro de espírito, que será pouco mais que uma piada.

Se desejares, podes ler livros de Espíritos, ditados a médiuns por seres humanos que aqui deixaram o corpo físico.

Mas, se preferires, podes estudar O Livro dos Espíritos. Nele, aprenderás muito sobre a verdade do mundo espiritual.

Todavia, só o teu livro do espírito, que estás escrevendo, é que decidirá sobre ti mesmo, porque é o livro de tua vida. Se o souberes compor com letras de Luz e sílabas de Amor, palavras de Fé e frases de Esperança, sentenças de Paz e períodos de Eqüidade em capítulos de Verdade e volumes de Sabedoria, estarás construindo o reino de Deus dentro de ti, único céu para onde vale a pena ir.

Pensa, pois, e escolhe e decide, que livro preferes ler, estudar, entender, viver. Tua vida, é um livro que ainda estás escrevendo.

Revista Reformador de Setembro de 2008. Publicação da Federação Espírita Brasileira.

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

                                  

                            TEU LIVRO

                                                                                  Emmanuel

     A existência na Terra é um livro que estás escrevendo...

     Cada dia é uma nova página.

     Cada hora é uma afirmação de tua personalidade, através das pessoas e das situações que te buscam.

     Não menosprezes o ensejo de criar uma epopéia de amor em torno de teu nome.

     As boas obras são frases de luz que endereças à Humanidade inteira.

     Em cada resposta aos outros, em cada gesto para com os semelhantes, em cada manifestação dos teus pontos de vista e em cada demonstração de tua alma, grafas com tinta perene, a história de tua passagem.

     Nas impressões que produzes, ergue-se o livro dos teus testemunhos.

     A morte é a grande colecionadora que recolherá as folhas esparsas de tua biografia, gravada por ti mesmo, nas vidas que te rodeiam.

     Não desprezes assim a companhia da indulgência, através da senda que o Senhor te deu a trilhar.

     Faze uma área de amor ao redor do próprio coração, porque, só amor é suficientemente forte e sábio para orientar-te a escritura individual, convertendo-a em compêndio de auxílio e esperança para quantos te seguem os passos.

     Vive, pois, com Jesus, na intimidade do coração, não te afastes dele em tuas ações de cada dia e o livro de tua vida converter-se-á num poema de felicidade e num tesouro de bênçãos.